WIDAL – REACAO [WIDAL]

YERSINIA ENTEROCOLITICA – SOR. PSEUDOTUBERCULOSIS [YER-PT]
Abril 14, 2018
VARICELLA ZOSTER IgG, ANTI [VARIG]
Abril 14, 2018
Ver todo o Blog

Exame [mnemônico]

WIDAL – REACAO [WIDAL]

Material [mnemônico]

SANGUE [S]

Condições

– Soro.

Tempo de jejum

– Jejum obrigatório de 8 horas. – Intervalo entre mamadas para lactentes.

Questionário

Comentários

Palavras chaves Febre Tifoide Paratifoide Salmonella Typhi Salmonella Paratyphi Salmonela Vidal Comentários Teste de soroaglutinação útil no diagnostico da Febre Tifóide e Febre Paratifóide. A Febre Tifóide é uma doença causada pela Salmonella typhi, e a Febre Paratifóide pelas Salmonella paratyphi A, B e C. Manifesta-se com febre, cefaléia, alterações gastrintestinais, esplenomegalia, erupções cutâneas, astenia e prostação. O desenvolvimento de anticorpos ocorre em 25% a 100% dos casos, dependendo da gravidade da doença e da época da coleta da amostra. Aglutininas anti-O são as primeiras a surgir, por volta do décimo dia de doença, e desaparecem em 30 dias. As aglutininas anti-H surgem no fim da segunda semana com títulos ascendentes até 30 dias, quando começam a declinar. A queda é lenta e podem persistir por anos. Diante de um quadro clínico sugestivo, a positividade das aglutininas anti-O e o dado de maior valor diagnóstico. A sorologia possui maior valor diagnóstico quando são coletadas duas amostras (fase aguda e convalescênça), onde aumento nos títulos em quatro vezes é sugestivo da infecção. Em áreas endêmicas o valor diagnóstico de uma amostra é menor, sendo considerado a presença de títulos iguais ou maiores que 1/160 como indicativos de infecção aguda. No caso da ocorrência de títulos baixos, sugere-se a repetição da reação após uma semana. Falso-negativos podem ocorrer na presença de perfuração intestinal, uso de antibióticos ou corticóides.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

(33) 9 8877-7788