PAINEL MOLECULAR DOS VIRUS HERPES E ENTEROVIRUS [PVHERP]

PAINEL MOLECULAR DE VIRUS RESPIRATORIOS [PVRESP]
Maio 3, 2018
Palavras chaves Acetaminofen Tylenol – Tilenol
Maio 3, 2018
Ver todo o Blog

Exame [mnemônico]

PAINEL MOLECULAR DOS VIRUS HERPES E ENTEROVIRUS [PVHERP]

Material [mnemônico]

DIVERSOS [DIV]

Condições

Swab de raspado de lesões, soro, liquor, sangue total em EDTA, urina, lavado brônquico, outros materiais consultar o setor.

Tempo de jejum

– Jejum não obrigatório.

Questionário

Comentários

Palavras chaves Detecção e tipagem de herpes e enterovírus humano Comentários Dentre os mais de 100 diferentes vírus de Herpes conhecidos, 8 destes infectam exclusivamente o homem: Vírus Herpes Simplex tipo 1 e 2 (HSV-1 e HSV-2), Vírus Varicella Zoster (VZV), Vírus Epstein-Barr (EBV), Citomegalovírus Humano (CMV), e Vírus de Herpes Humano 6, 7 e 8 (HHV6, HHV7 e HHV8). Embora estes vírus apresentem alta prevalência na população em geral, a maioria das infecções causadas por eles são assintomáticas. Quando sintomáticas, podem variar de infecções benignas a grave comprometimento da saúde do indivíduo, com grande inespecificidade das manifestações clínicas entre os diferentes tipos de vírus. Os vírus de Herpes podem permanecer latentes no organismo por muito tempo, e em situações de stress, alteração hormonal, imunidade debilitada e/ou exposição solar, podem gerar reativações posteriores; causando quadros de encefalite, poliradiculite ou neuropatia periférica. Os vírus da família Enterovírus, principalmente, o Poliovirus, Coxsackivirus e Echovirus são a causa mais comum e importante de infecções pediátricas, variando de estados febris a meningite, miocardite e sépsis neonatais. O diagnóstico microbiológico destas patologias é de grande interesse, especialmente, das mais graves, como a encefalite, uma vez que são causadas tanto pelo Herpes quanto pelo Enterovirus. A maioria destas patologias apresentam manifestações clínicas muito semelhantes entre si, como também com o quadro clínico gerado por outros agentes virais e bacterianos. Deste modo, um diagnóstico diferencial e rápido destes vírus faz-se muito importante na prática médica e é essencial para o direcionamento de um tratamento clínico adequado e eficaz para cada indivíduo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

(33) 9 8877-7788