MUTACAO V600E NO GENE BRAF [BRAF]

MUTACAO SHOX E SHOXY – SINDROME DE LERI WEILL [SHOX-Y]
Maio 3, 2018
Mutacao V617F no gene JAK2 [JAK2]
Maio 3, 2018
Ver todo o Blog

 

Exame [mnemônico]

MUTACAO V600E NO GENE BRAF [BRAF]

Material [mnemônico]

DIVERSOS [DIV]

Condições

Tempo de jejum

Questionário

Comentários

Palavras chaves Vemurafenib Proto-oncogene Comentários A mutação V660E do gene BRAF foi descrita em diferentes tipos de câncer, principalmente melanoma, câncer de tireóide e câncer colo- retal (CCR). Está presente em cerca de 20% do total de CCR e de 30% a 83% de CCR com instabilidade de microsatélites. A mutação V600E do BRAF não foi detectada simultaneamente às mutações nos genes de reparo (MMR) em pacientes com a síndrome de Lynch. Estes achados indicam que BRAF possa ser utilizado como marcador genético para critério de inclusão de CCR esporádico e exclusão de síndrome de Lynch. A pesquisa da mutação V600E também pode auxiliar na forma do tratamento, conforme alguns estudos recentes que mostram que a sobrevida aumenta nos pacientes com a mutação V600E e tratados com Vemurafenib (Zelboraf®).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

(33) 9 8877-7788