AML1-ETO t(8;21) PCR QUALITATIVO [AMLETO]

AMIODARONA E METABOLITO – DOSAGEM [AMIODA]
Abril 14, 2018
AMONIA [AMONIA]
Abril 14, 2018
Ver todo o Blog

Exame [mnemônico]

AML1-ETO t(8;21) PCR QUALITATIVO [AMLETO]

Material [mnemônico]

DIVERSOS [DIV]

Condições

Tempo de jejum

Questionário

Comentários

Palavras chaves: Leucemia Mielóide Aguda (LMA) Leucemia Mielóide Aguda subtipo M2 (LMA-M2) Translocação t(8;21) Comentários: A translocação t(8;21)(q22;q22) é encontrada em aproximadamente 7% das LMA e em aproximadamente 40% das LMA-M2 . A clonagem desta translocação levou à identificação do AML1, que codifica uma unidade de ligação do ADN ao fator de transcrição CBF(B), que tem um papel central na hematopoese . A fusão AML1/ETO é encontrada tanto nas LMA de adultos como de crianças, com ocorrência equilibrada entre os sexos, e com uma incidência relativamente maior nos pacientes mais jovens. Assim como para outras fusões (MLL/AF4 e TEL/AML1), os estudos sugerem que a fusão AML1/ETO se origina no útero. Aplicação clínica: a. Diagnóstico de Leucemia mielóide aguda (LMA) b. Estratificação para baixo risco na LMA M2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

(33) 9 8877-7788