e-mail

esqueceu a senha

resultado de exames

Blog
Dicas
Saúde

Dormir bem pode controlar gene da obesidade

Padrão Atualizado

 

Dormir bem pode controlar gene da obesidade

Estudo sugere que sono adequado ajuda a controlar a tendência a ganhar peso

POR MINHA VIDA

Pessoas que dormem bastante são sedentárias e tendem a engordar, certo? Não é bem assim. Um estudo feito pela Universidade de Washington (EUA) revelou que dormir pouco promove influências genéticas associadas ao ganho de peso.

A pesquisa analisou peso, altura e qualidade do sono de 1088 pares de gêmeos. Os resultados, publicados na revista Sleep, da Academia Americana de Medicina do Sono, mostram que aqueles que dormem menos de sete horas por noite têm duas vezes mais chances de apresentar efeitos genéticos que influenciam o ganho de peso, gene da obesidade, se comparados aos que dormem mais de nove horas.

“Quanto mais tempo você dorme, menos a genética se torna importante para determinar o quanto você pesa”, explicou Nathaniel Watson, co-diretor do Centro de Distúrbios do Sono da Universidade de Washington Centro de Distúrbios do Sono.

Recarregando a bateria

sono é um processo cíclico de quatro etapas até o estágio do sono REM, quando acontecem os sonhos. É nesse momento em que o corpo está 100% relaxado, se recuperando do desgaste físico do dia. Curiosamente, enquanto descansamos, o cérebro trabalha a todo vapor.

Durante as horas de sono ocorre a síntese de proteínas responsáveis pelo desenvolvimento das conexões neurais, aprimorando habilidades como memória e aprendizado. Pela noite, o cérebro faz uma varredura entre as informações acumuladas, guardando aquilo que considera primordial, descartando o supérfluo e fixando lições que aprendemos ao longo do dia. Por esse motivo, quem dorme pouco pode apresentar dificuldade para se recordar de coisas básicas.

As pessoas que não conseguem completar os ciclos de sono até a fase do sono REM, acordando antes por algum motivo, estão inclusas na lista de quem tem distúrbios relacionados ao sono. Essa “falha” cria a sensação de nunca ter descansado o suficiente.

Segundo o homeopata Yechiel Moises Chencinski, o sono serve como combustível para o corpo. “Um bom dia começa por uma boa noite de sono, pois é com ela que recarregamos nossas baterias. Como não estamos em nossa atividade plena, nossas funções ficam em ritmo mais lento durante o sono e o corpo pode se preparar para a batalha do dia seguinte”.

FONTE: http://www.minhavida.com.br

Voltar
comentários