e-mail

esqueceu a senha

resultado de exames

relação de exames

O Laboratório São Lourenço desenvolveu uma relação completa de procedimentos para você obter informações sobre seu exame, de como ele é realizado e instruções corretas de jejum e coleta (modificar o texto)

BACILO DIFTERICO – PESQUISA [PEQ-DF]

Exame [mnemônico]

BACILO DIFTERICO - PESQUISA [PEQ-DF]

Material [mnemônico]

DIVERSOS [DIV]

Condições

- Secreção de orofaringe e/ou nasofaringe.

Tempo de jejum

Questionário

Comentários

Palavras chaves Corynebacterium diphtheriae Difteria Instruções - Swab de orofaringe: recomendado para pesquisa de portadores assintomáticos, nos exames de convalescentes e contactantes. - Secreção da Nasofaringe : Não realizamos a coleta deste material , pois trata-se de um procedimento médico. Coleta - Se houver presença de pseudomembrana, levantá-la e, sem removê-la, colher o material abaixo desta com um swab. - Não é aconselhável remover a pseudomembrana. - Secreção da Nasofaringe (procedimento médico): colocar luvas e máscara facial protetora. Passar um swab dobrado na ponta (swab metálico) por trás da úvula, acima da orofaringe ou introduzir um swab flexível suave e profundamente pelo nariz, alcançando a nasofaringe. Girar o swab delicadamente para absorção do material. - Confeccionar 04 esfregaços em lâminas limpas e desengorduradas. - Deixar secar ao ar. Comentários Corynebacterium diphtheriae é o agente da difteria. Nos seres humanos o C.diphtheriae pode se alojar no trato respiratório superior ou na pele. A difteria apresenta tempo de incubação de dois a quatro dias e manifesta-se com febre, odinofagia, tosse, seguindo-se da formação de pseudomembrana característica e linfonodomegalia cervical. Pode evoluir com complicações, tais como miocardite e paralisia de nervos cranianos. A pesquisa fornece diagnóstico presuntivo de difteria.