e-mail

esqueceu a senha

resultado de exames

relação de exames

O Laboratório São Lourenço desenvolveu uma relação completa de procedimentos para você obter informações sobre seu exame, de como ele é realizado e instruções corretas de jejum e coleta (modificar o texto)

ALDOSTERONA POSTURAL [ALDO-P]

Exame [mnemônico]

ALDOSTERONA POSTURAL [ALDO-P]

Material [mnemônico]

SANGUE [S]

Condições

- Soro.

Tempo de jejum

Questionário

Comentários

Palavras chaves Mineralocorticoide Teste postural Ortostátismo Deambulação Instruções - Dieta conforme orientação médica. - Medicamentos: a critério médico, devem ser suspensos, pelo menos duas semanas antes da realização do exame os anti-inflamatórios não esteróides, anti-hipertensivos (beta bloqueadores, inibidores da enzima de conversão, agentes bloqueadores da ação da angiotensina II, diuréticos tiazídicos, poupadores de potássio e de alça, bloqueadores do canal de cálcio). A espironolactona deve ser suspensa 6 semanas antes da coleta. - Esse mnemônico deve ser utilizado quando o medico solicitar a aldosterona após o ortostátismo (postura de pé) ou após deambulação (caminhada leve). Caso o período de permanência do cliente em ortostátismo ou deambulação seja diferente de 2 horas, devera ser gerada uma nota de observação para o laudo, especificando o tempo solicitado. Durante todo este período, o cliente devera permanecer no laboratório. - Se for solicitado "Teste postural" no pedido medico, deverão ser realizados todos os exames a seguir: ALDO-S, ALDO-P, RENI-S, RENI-P, CORT e CORT-P. “O agendamento de provas funcionais de pacientes hospitalizados ou agudamente enfermos só poderá ser realizado após liberação pelo médico responsável pelo setor.” Coleta - A amostra pós ortostátismo deve ser colhida com o paciente ainda de pé. Sugere-se o uso de catéter venoso. Comentários A aldosterona e secretada pela glândula adrenal. A sua produção e regulada pelo sistema renina-angiotensina. Elevações ocorrem no hiperaldosteronismo primário e secundário, dieta pobre em sódio, gravidez, síndrome de Bartter. Reduções são observadas em alguns casos de hiperplasia adrenal congênita, deficiência de síntese, dieta rica em sódio, doença de Addison e no hipoaldosteronismo hiporreninemico.